Ornamentais

Muda de Hortência

Publicado em 25.05.2023 |
Visualizações
717 visualizações

Muda de Hortência

E aí, pessoal! Se você está buscando adicionar um toque de cor e elegância ao seu jardim, as mudas de hortênsia são uma escolha incrível! Sou um agrônomo com 20 anos de experiência e estou aqui para ajudar você, que nunca cultivou uma planta antes, a se tornar um verdadeiro mestre no cultivo. Hoje, vamos falar sobre como plantar mudas de hortênsia, aquelas plantas deslumbrantes que nos presenteiam com suas flores exuberantes e vibrantes. Então, pegue suas luvas e sua pá, porque vamos mergulhar nesse universo floral e transformar seu jardim em um verdadeiro paraíso de hortênsias!

Como plantar muda de Hortência

Escolha do local: As hortênsias prosperam melhor em locais com sombra parcial ou luz solar filtrada. Escolha um local no seu jardim que receba algumas horas de sol da manhã ou final da tarde, mas esteja protegido do sol intenso durante o meio do dia. Evite áreas com exposição direta ao sol durante todo o dia, pois isso pode queimar as folhas sensíveis.

Preparação do solo: As hortênsias preferem solos bem drenados, ricos em matéria orgânica e ligeiramente ácidos. Antes de plantar, prepare o solo soltando-o e removendo quaisquer ervas daninhas ou detritos. Adicione composto orgânico ao solo para melhorar a sua qualidade e fornecer nutrientes adicionais.

Plantio da muda: Faça um buraco no solo que seja um pouco mais largo e profundo do que o tamanho da muda. Remova a muda do recipiente com cuidado, segurando-a pela base do torrão. Coloque a muda no buraco, certificando-se de que o topo do torrão fique nivelado com a superfície do solo.

Preenchimento do buraco: Preencha o buraco com solo ao redor das raízes, pressionando-o suavemente para eliminar bolsas de ar. Certifique-se de que a muda esteja firmemente plantada, mas evite compactar o solo em excesso.

Rega inicial: Após o plantio, regue generosamente a muda de hortênsia para assentar o solo ao redor das raízes. Mantenha o solo úmido, mas não encharcado, durante os primeiros meses após o plantio para auxiliar no estabelecimento da planta.

Espaçamento adequado: Certifique-se de deixar um espaço adequado entre as mudas de hortênsia ao plantá-las, geralmente de 1 a 2 metros de distância entre as plantas. Isso permitirá que as hortênsias cresçam e se desenvolvam adequadamente.

Cuidados adicionais: Proteja as mudas de hortênsia de ventos fortes e forneça uma boa cobertura de mulch orgânico ao redor da base da planta para ajudar a reter a umidade e suprimir o crescimento de ervas daninhas.

design sem nome 2023 05 25t160835 141

Como Regar muda de Hortência

Frequência de rega: As hortênsias preferem solos ligeiramente úmidos, mas não encharcados. Regue as mudas de hortênsia regularmente para manter o solo úmido, mas evite o acúmulo excessivo de água. A frequência de rega dependerá do clima, tipo de solo e tamanho da muda. Verifique a umidade do solo inserindo o dedo cerca de 2-3 cm abaixo da superfície. Se estiver seco, é hora de regar.

Quantidade de água: Forneça água suficiente para que o solo fique úmido até a profundidade das raízes. Regue lentamente e profundamente para permitir que a água seja absorvida pelo solo. Evite regas superficiais, pois elas não alcançarão as raízes adequadamente. Tenha cuidado para não regar em excesso, pois o encharcamento pode levar ao apodrecimento das raízes.

Horário de rega: Regue as mudas de hortênsia de manhã cedo ou no final da tarde. Evite regar durante as horas mais quentes do dia, pois a água evaporará rapidamente antes de ser absorvida pelas raízes. Regar no início do dia permite que as plantas absorvam a água antes que a temperatura aumente.

Monitoramento das mudas: Observe suas mudas de hortênsia de perto para identificar sinais de necessidade de rega. Se as folhas começarem a murchar ou a ficar amareladas, pode ser um sinal de que as plantas precisam de água. No entanto, evite regar em excesso para evitar problemas de drenagem e apodrecimento das raízes.

Mulching: Aplique uma camada de mulch orgânico, como casca de árvore ou palha, ao redor da base das mudas de hortênsia. O mulch ajuda a reter a umidade do solo, reduz a evaporação da água e também ajuda a controlar o crescimento de ervas daninhas.

design sem nome 2023 05 25t161014 626

Como podar muda de Hortência

Timing da poda: O momento ideal para podar as hortênsias depende do tipo de hortênsia que você está cultivando. Para hortênsias que florescem em novos brotos (como a Hydrangea macrophylla), a poda deve ser feita após a floração, no final do verão ou no início do outono. Já as hortênsias que florescem em brotos antigos (como a Hydrangea paniculata), podem ser podadas durante o final do inverno ou início da primavera, antes do início do novo crescimento.

Remoção de galhos mortos ou danificados: Antes de tudo, inspecione suas mudas de hortênsia em busca de galhos mortos, danificados ou doentes. Use uma tesoura de poda afiada e esterilizada para remover esses galhos, fazendo cortes limpos na base. Isso ajuda a promover um crescimento saudável e evita a propagação de doenças.

Afinamento: As hortênsias podem ficar densas com o tempo, e é benéfico fazer uma poda de afinamento para permitir a entrada de luz e ar no centro da planta. Remova galhos cruzados, que se esfregam uns nos outros, e aqueles que estão crescendo muito próximos ou para dentro da planta. Isso ajuda a melhorar a estrutura da planta e a circulação de ar.

Controle do tamanho: Se você deseja controlar o tamanho das mudas de hortênsia, pode fazer uma poda de tamanho para reduzi-las. Corte os galhos mais longos, levando em consideração a forma desejada para a planta. Tenha cuidado para não podar em excesso, pois isso pode reduzir a quantidade de flores no próximo ano.

Remoção de flores murchas: Após a floração, você pode remover as flores murchas para promover uma aparência mais limpa e estética. Corte os caules das flores logo abaixo das flores murchas.

design sem nome 2023 05 25t161205 703

 Como fertilizar muda de Hortência 

Timing da fertilização: As hortênsias geralmente são fertilizadas na primavera, logo antes do início do novo crescimento. Evite fertilizar no final do outono ou no inverno, pois as plantas estão em repouso durante esse período.

Escolha do fertilizante: Use um fertilizante balanceado formulado para plantas com flores, rico em nutrientes essenciais como nitrogênio (N), fósforo (P) e potássio (K). Dê preferência a um fertilizante específico para hortênsias ou um fertilizante para plantas de ácido-loving (amantes de solo ácido), pois as hortênsias preferem solos ligeiramente ácidos. Siga as instruções do fabricante para a dosagem correta.

Aplicação do fertilizante: Aplique o fertilizante ao redor da base da muda de hortênsia, evitando o contato direto com o caule. Use uma pá ou ancinho para incorporar levemente o fertilizante ao solo, tomando cuidado para não danificar as raízes superficiais. Regue bem a planta após a aplicação para ajudar na absorção dos nutrientes pelo solo.

Fertilização foliar: Além da aplicação de fertilizantes no solo, você também pode considerar a fertilização foliar. Dilua o fertilizante em água de acordo com as instruções do fabricante e pulverize a solução nas folhas das mudas de hortênsia. Isso fornece nutrientes extras e pode ser especialmente útil em casos de deficiências nutricionais.

Acompanhamento e ajustes: Observe a resposta das mudas de hortênsia à fertilização. Se você notar sinais de queima nas folhas ou amarelamento excessivo, pode ser um sinal de excesso de fertilização. Nesse caso, reduza a quantidade de fertilizante ou a frequência das aplicações. Por outro lado, se as mudas apresentarem crescimento lento ou descoloração nas folhas, pode ser necessário aumentar a fertilização.

Composto orgânico: Além do fertilizante comercial, você pode complementar a fertilização das mudas de hortênsia com composto orgânico, como húmus de minhoca ou composto caseiro. O composto orgânico ajuda a melhorar a estrutura do solo, aumenta a capacidade de retenção de umidade e fornece nutrientes gradualmente.

design sem nome 2023 05 25t161405 658

Como identificar e tratar doenças ou pragas que afetam a muda de Hortência ?

Oídio: O oídio é uma doença fúngica que causa um revestimento branco em pó nas folhas, brotos e flores da hortênsia. Para tratar o oídio, remova as partes afetadas da planta e descarte-as. Use um fungicida específico para oídio, seguindo as instruções do fabricante. Certifique-se de fornecer uma boa circulação de ar ao redor das plantas, pois isso pode ajudar a reduzir a incidência de oídio.

Podridão das raízes: A podridão das raízes é causada por fungos e pode levar ao apodrecimento das raízes da hortênsia. Sinais de podridão das raízes incluem amarelamento das folhas, murchamento e crescimento fraco. Para tratar esse problema, remova as partes infectadas da planta, certificando-se de remover qualquer material de raiz podre. Transplante a muda para um solo bem drenado e evite regar em excesso.

Mancha foliar: A mancha foliar é uma doença fúngica que causa manchas escuras nas folhas da hortênsia. As manchas podem aumentar de tamanho com o tempo e levar ao definhamento da planta. Para tratar a mancha foliar, remova as folhas afetadas e descarte-as. Use um fungicida recomendado para mancha foliar, conforme indicado nas instruções do produto.

Pulgões: Os pulgões são insetos pequenos e sugadores que podem atacar as hortênsias. Eles podem se agrupar nas brotações e na parte inferior das folhas, causando enrolamento das folhas e amarelamento. Para controlar os pulgões, você pode remover manualmente com um jato de água ou usar inseticidas específicos para pulgões, conforme indicado nas instruções do produto.

Cochonilhas: As cochonilhas são insetos com uma cobertura cerosa que se fixam nos caules, folhas e brotos da hortênsia. Elas podem causar amarelecimento das folhas e crescimento fraco. Para tratar as cochonilhas, você pode usar uma solução de água e sabão neutro para limpá-las manualmente ou aplicar óleo de neem, seguindo as instruções do fabricante, para controlar a infestação.

Besouros japoneses: Os besouros japoneses são insetos que se alimentam das folhas da hortênsia, deixando buracos irregulares. Você pode usar armadilhas específicas para besouros japoneses para monitorar e controlar a população. Além disso, inseticidas adequados podem ser usados para combater essas pragas.

design sem nome 2023 05 25t161630 633

Qual a quantidade de luz solar que a muda de Hortência necessita?

Luz solar direta: As mudas de hortênsia podem tolerar algumas horas de luz solar direta, especialmente durante as horas da manhã ou no final da tarde. No entanto, a exposição prolongada ao sol intenso do meio-dia pode ser prejudicial e causar queimaduras nas folhas.

Luz solar filtrada: Em geral, as hortênsias preferem luz solar filtrada ou sombra parcial. Isso significa que elas podem se beneficiar de um ambiente protegido do sol intenso, especialmente nas regiões com verões quentes.

Considerações regionais: Em regiões de climas mais quentes, onde o sol é mais intenso, é recomendável fornecer alguma sombra parcial para as mudas de hortênsia. Isso pode ser feito plantando-as em locais com sombra durante as horas mais quentes do dia ou fornecendo sombreamento adicional, como um toldo ou tela de sombreamento.

Observação das plantas: Observe de perto suas mudas de hortênsia para avaliar como elas estão respondendo à luz solar. Se as folhas estiverem murchas, queimadas ou apresentarem sinais de estresse, pode ser um sinal de que estão recebendo luz solar em excesso. Por outro lado, se as plantas estiverem apresentando crescimento fraco, falta de flores ou folhas pálidas, pode indicar que estão recebendo luz solar insuficiente.

design sem nome 2023 05 25t161817 607

Como proteger a muda de Hortência de condições climáticas extremas, como frio intenso ou calor excessivo

Frio intenso:

Cobertura: Durante períodos de frio intenso, cubra suas mudas de hortênsia com um tecido leve, como um lençol ou manta. Certifique-se de que a cobertura cubra completamente as plantas e que esteja ancorada ao redor da base para evitar a entrada de ar frio. Remova a cobertura assim que as temperaturas se tornarem mais amenas.

Mulching: Adicione uma camada de mulch orgânico, como palha ou casca de árvore, ao redor da base das mudas. Isso ajudará a proteger as raízes do frio intenso e a manter uma temperatura mais estável no solo. Certifique-se de não cobrir o caule da planta com o mulch.

Calor excessivo:

Sombreamento: Durante períodos de calor intenso, forneça sombra às suas mudas de hortênsia. Use sombrite, tecido de sombreamento ou até mesmo um guarda-sol para bloquear a luz solar direta e reduzir a temperatura ambiente ao redor das plantas. Certifique-se de não sombrear completamente as mudas, pois elas ainda precisam de luz solar adequada.

Rega adequada: Aumente a frequência de rega durante o calor excessivo para garantir que as mudas recebam água suficiente e se mantenham hidratadas. Evite regar em excesso, pois isso pode levar ao apodrecimento das raízes. Regue nas primeiras horas da manhã ou no final da tarde, quando a temperatura é mais amena.

Proteção durante as horas mais quentes: Se possível, mova suas mudas de hortênsia para uma área com sombra durante as horas mais quentes do dia, principalmente se o calor estiver muito intenso. Isso ajudará a reduzir o estresse causado pelo calor excessivo e protegerá as plantas.

design sem nome 2023 05 25t162005 606

Ofertas Especiais

Aceite os cookies e tenha uma melhor experiência em nosso site, consulte nossa Política de Privacidade.