Frutíferas

Como Cultivar Muda de Acerola

Publicado em 30.05.2023 |
Visualizações
1.471 visualizações

Como Plantar Muda de Acerola:

A acerola prospera em climas tropicais e subtropicais, com temperaturas médias entre 20°C e 30°C, escolha um local ensolarado em seu jardim, onde a árvore receba pelo menos seis horas de luz solar direta por dia.

Antes de plantar a muda de acerola, prepare o solo removendo ervas daninhas, pedras e outros detritos, a acerola prefere solos ricos em matéria orgânica, portanto, adicione composto ou esterco bem curtido para melhorar a fertilidade do solo.

Cave um buraco no solo que seja cerca de duas vezes maior e mais largo que o torrão da muda, coloque a muda no buraco, garantindo que a superfície do solo da muda fique nivelada com o solo circundante, preencha o buraco com terra solta e compacte suavemente ao redor da muda para remover bolsas de ar.

design sem nome 40

Como Regar Muda de Acerola:

Durante os primeiros meses após o plantio, é importante manter o solo ao redor da muda de acerola constantemente úmido, mas evite encharcar, regue a muda de duas a três vezes por semana, dependendo das condições climáticas e da umidade do solo.

Antes de regar, verifique o solo para determinar se está seco, insira o dedo ou um medidor de umidade no solo, cerca de 5 centímetros de profundidade, se o solo estiver seco nessa profundidade, é hora de regar.

A muda de acerola precisa de uma quantidade adequada de água a cada rega para garantir que o solo seja encharcado o suficiente para atingir as raízes profundas, regue lentamente e em quantidade suficiente para que a água alcance uma profundidade de 15 a 20 centímetros no solo.

Embora seja importante manter o solo úmido, é essencial evitar o encharcamento, pois o acúmulo excessivo de água pode levar ao apodrecimento das raízes, certifique-se de que o solo tenha uma boa drenagem para evitar o acúmulo de água.

rega

Como Podar a Muda de Acerola:

A poda de formação é realizada nos primeiros anos da muda de acerola para ajudar a criar uma estrutura forte e equilibrada, após o plantio, identifique o tronco central mais forte e remova os ramos laterais mais baixos, deixando apenas três ou quatro ramos principais que estejam bem espaçados e cresçam em direções diferentes.

A poda de limpeza é feita para remover galhos mortos, doentes, danificados ou cruzados, esses galhos podem prejudicar o crescimento saudável da árvore ou facilitar a entrada de doenças e pragas.

A poda de renovação é realizada em mudas de acerola mais antigas para rejuvenescer a árvore, estimular o crescimento de novos brotos e manter um equilíbrio adequado entre o crescimento vegetativo e a produção de frutas.

Observe regularmente o crescimento da muda de acerola e ajuste a poda de acordo, remova qualquer broto que esteja crescendo muito perto do solo, pois pode ser mais suscetível a doenças, além disso, se houver ramos que estejam se cruzando ou competindo por espaço, remova-os para melhorar a circulação de ar e a penetração da luz solar.

poda

Como Fertilizar Muda de Acerola:

Opte por um fertilizante balanceado e de liberação lenta, especialmente formulado para árvores frutíferas, verifique a embalagem do fertilizante para garantir que contenha os nutrientes essenciais, como nitrogênio (N), fósforo (P) e potássio (K), além de micronutrientes como ferro, zinco e magnésio.

Após o plantio, cerca de dois meses depois, comece a fertilização de base, evite colocar o fertilizante muito próximo ao tronco, para evitar queimaduras nas raízes.

Continue fertilizando a muda de acerola regularmente durante a estação de crescimento, divida a quantidade recomendada de fertilizante em três ou quatro aplicações sazonais ao longo do ano.

Regue abundantemente a muda de acerola após a aplicação de fertilizante, isso ajudará a dissolver os nutrientes e a transportá-los até as raízes, certifique-se de que o solo esteja úmido, mas não encharcado, evite aplicar fertilizantes em períodos de seca prolongada ou quando a muda estiver estressada por falta de água.

fertilizante

Como Identificar e Tratar Doenças ou Pragas que Afeta uma Muda de Acerola:

Antracnose: Essa doença fúngica é caracterizada por manchas escuras e afundadas nas folhas, frutas e ramos., as manchas podem se expandir e se unir, causando a deterioração da planta, remova as partes infectadas e aplique fungicidas à base de cobre.


Mancha bacteriana: Essa doença bacteriana causa lesões necróticas nas folhas, com manchas escuras circundadas por uma borda amarelada, remova as partes afetadas e aplique cobre ou produtos à base de cobre para controle.


Podridão das raízes: Essa doença fúngica afeta as raízes da muda de acerola, resultando em amarelecimento, murcha e morte da planta, trate o solo com fungicidas apropriados e evite o encharcamento, pois isso favorece o desenvolvimento da doença.

Manutenção da higiene: Remova regularmente as folhas caídas, frutas deterioradas ou partes da planta infectadas para evitar a propagação de doenças e pragas.


Rotação de culturas: Evite plantar mudas de acerola no mesmo local por vários anos consecutivos, pois isso pode aumentar a incidência de doenças e pragas, faça a rotação de culturas para reduzir o risco de infestações.


Monitoramento regular: Inspecione sua muda de acerola regularmente em busca de sinais de doenças ou pragas, quanto mais cedo você identificar um problema, mais eficaz será o tratamento.

pragas

Qual a Quantidade de Luz Solar que a Muda de Acerola Necessita:

A acerola é uma planta que prefere locais com plena exposição solar, ela precisa de, pelo menos, seis horas diárias de luz solar direta para se desenvolver adequadamente.

Para um crescimento ótimo, recomenda-se que a muda de acerola seja exposta a oito a dez horas diárias de luz solar direta, quanto mais tempo a planta ficar exposta à luz solar direta, melhor será seu crescimento e sua capacidade de produzir frutas.

Embora a acerola prefira pleno sol, ela pode tolerar alguma quantidade de luz solar indireta, no entanto, é importante ressaltar que, quanto menos luz solar a muda de acerola receber, menor será sua taxa de crescimento e produção de frutas.

Evite plantar a muda de acerola em locais com sombra densa, onde ela fique constantemente bloqueada por árvores, edifícios ou estruturas, a falta de luz solar adequada pode resultar em um crescimento enfraquecido, menos vigoroso e em uma produção limitada de frutas.

luz solar

Como Proteger a Muda de Acerola de Condições Climáticas Extremas, Como Frio intenso ou Calor excessivo:

Frio intenso:

Durante períodos de frio intenso, cubra a muda de acerola com tecidos ou coberturas de proteção para ajudar a reter o calor e minimizar os danos causados pelas baixas temperaturas.

Aplique uma camada de cobertura morta, como palha ou lascas de madeira, ao redor da base da planta, isso ajudará a isolar o solo, mantendo uma temperatura mais estável e protegendo as raízes da muda de acerola contra o frio intenso.

Considere a utilização de proteção extra, como estufas ou estruturas temporárias, para abrigar a muda de acerola durante os períodos de frio intenso.

Calor excessivo:

Durante ondas de calor intenso, forneça sombra à muda de acerola, isso pode ser feito utilizando tecidos de sombreamento, telas de proteção contra o sol ou até mesmo construindo uma estrutura temporária para criar sombra parcial.

Garanta que a muda de acerola receba água suficiente para lidar com o estresse causado pelo calor excessivo, aumente a frequência de rega e monitore o solo para evitar que ele fique seco.

Promova a circulação de ar ao redor da muda de acerola para ajudar a dissipar o calor excessivo, isso pode ser feito mantendo uma distância adequada entre as plantas, removendo plantas daninhas e evitando o acúmulo de materiais ao redor da base da planta.

clima

Como Colher e Guardar os Frutos das Mudas de Acerola:

A acerola está pronta para ser colhida quando os frutos atingem sua cor característica, geralmente um vermelho vibrante, toque suavemente os frutos para verificar se estão macios e maduros.

Segure o fruto com uma mão e, com a outra, gire-o delicadamente em movimento circular para soltá-lo do pedúnculo, evite puxar ou arrancar os frutos, pois isso pode danificá-los ou causar lesões na planta.

À medida que os frutos amadurecem, colha-os regularmente para evitar que fiquem excessivamente maduros e se deteriorem na planta, uma colheita frequente também estimula a produção contínua de frutos.

Para prolongar a vida útil dos frutos, coloque-os em um recipiente ou saco plástico perfurado e armazene na gaveta de legumes da geladeira, isso ajudará a manter a umidade adequada e a preservar a frescura dos frutos por alguns dias.

As acerolas são mais saborosas quando consumidas frescas, portanto, é recomendado consumi-las assim que possível após a colheita, se você tiver um grande volume de frutas, também pode congelá-las para uso posterior.

design sem nome 41

Ofertas Especiais

Aceite os cookies e tenha uma melhor experiência em nosso site, consulte nossa Política de Privacidade.